top of page

Ciclo x treino

Você sabia que os diferentes níveis de hormônios ao longo do mês podem influenciar a performance durante as atividades físicas?



Mesmo considerando desconfortável o período menstrual, podemos adaptar o treino de acordo com o ciclo e garantir um excelente desempenho nas nossas atividades físicas.

É normal perder o ânimo durante esses dias, mas organizando uma agenda de treinos que respeite nosso organismo, é possível aproveitar melhor as vantagens de cada um dos períodos!

 

Conheça as fases:

 

  • 1ª fase: menstrual (1º ao 5º dia):


Esse período dura em média 5 dias e é quando o organismo começa a produzir estrogênio, aumentando gradualmente até a ovulação.

Produzido pelo folículo ovariano em maturação, é um dos dois hormônios que regulam o comportamento feminino.

Associado à produção e ação da serotonina, neurotransmissor responsável por regular o sono, humor e o apetite.

Nessa fase, a produção de estrogênio ainda é baixa e a mulher está sofrendo com o fluxo menstrual e cólicas, geralmente o ânimo para treinar é mais baixo. Nesse período, treinos mais leves são recomendados até mesmo para reduzir desconforto abdominal.

 

  •  2ª fase: pós-menstrual (6º ao 12º dia):

Hora de treinar pesado! No período que sucede a menstruação, há aumento de estrógeno e maior liberação de noradrenalina, aumentando a motivação e melhorando o desempenho nas atividades físicas.

 

  • 3ª fase: ovulatória (13º ao 15º dia):


Na fase ovulatória (ou período fértil), ocorre o rompimento do folículo e a liberação do óvulo para as tubas uterinas. Essa fase é iniciada com uma leve queda na capacidade de força e coordenação, porém não é preciso diminuir os treinos, apenas pegue mais leve.

Nesse período, ocorre a inversão na concentração de hormônios. Enquanto o estrógeno é reduzido, a progesterona é aumentada.

 

  • 4ª fase: pós-ovulatória (16º ao 24º dia):


Nessa fase, a quantidade de progesterona aumenta até passar a de estrogênio, melhorando a performance para atividades que envolvam força. É a melhor hora de elevar a intensidade dos exercícios ou da musculação.


  • 5ª fase: pré-menstrual (25º ao 28º dia):


Fase da temida Tensão Pré-Menstrual, onde ocorre queda abrupta de progesterona, assim reduzindo o desempenho e aumentando a retenção de líquidos. Momento importante para fazer atividade física, para aliviar os sintomas da TPM, melhorando a ansiedade e irritabilidade.

 

Mas e quem sofre com cólicas?


Enquanto algumas mulheres conseguem conviver facilmente com o desconforto, outras se sentem muito indispostas. Nesse caso, o repouso pode ser uma opção, mas é bom lembrar que atividade física libera endorfina, neurotransmissor produzido pelo próprio corpo que tem poder analgésico e quando liberado estimula a sensação de bem-estar.


Musculação aumenta o fluxo?


Treinar menstruada não aumenta o fluxo, o que pode ocorrer é que em algumas posições o fluxo de sangue pode descer mais rápido.





0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page